Borat é regular

Também estou entre aqueles que não acharam “Borat”, o filme, grande coisa. O filme é mais engraçado pelo ator, Sacha Baron Cohen, do que propriamente pelo conteúdo, vulgar, grosseiro e politicamente incorreto (não que isso seja necessariamente ruim).

O personagem Borat é sensacional, mas acaba não funcionando muito bem em um longa-metragem, que exige muito mais do que boas sacadas. Em esquetes curtas, Borat é ótimo (no YouTube há um monte delas). Em filme, a forçação de barra de Borat ficou um pouco cansativa e monótona.

Ok, a idéia do “segundo melhor repórter” do Cazaquistão ir aos EUA (“US and A”) para aprender com eles é boa. Com essa idéia, Borat trabalha em cima da visão de mundo idiota e doentia de parte da população. A cena na qual ele vai a uma igreja e participa de um culto onde pastores e políticos falam asneiras como “eu não vim de um macaco” é espetacular.

(Em fevereiro de 2007)

Anúncios
Esse post foi publicado em Cinema. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s