Currículo

Acho um terror pessoas que colocam em seus currículos “perfis” (digamos) subjetivos e até psicológicos, do tipo: “Tenho facilidade de adaptação em diversos ambientes profissionais” ou “Sou dinâmico, criativo, pró-ativo, gosto de desafios e aprender novas atividades” ou “Tenho facilidade em me relacionar com as pessoas e sou muito bem-humorado” ou ainda o famigerado “Sou extremamente comunicativo”.

Quando, na verdade, estão querendo dizer: “Sou lento, totalmente sem criatividade, odeio desafios – senão faria um currículo melhor -, só faço o que me mandam fazer e, além de tudo, falo pra cacete”.

Já vi até currículo no qual a dita cuja informava que havia posado para a revista “Playboy”. Sim, é sério – currículo para jornalista.

Anúncios
Esse post foi publicado em Jornalismo, Nonsense. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Currículo

  1. disse:

    Depois me lembre de te contar um lance sobre isso. É ridículo mesmo, mas tem uma história ainda mais ridícula que dizer que já
    posou pra Playboy.

  2. Carlos Eduardo Moura disse:

    Pô, compartilha aí com os três leitores deste blog.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s